Buscar

Garoto propaganda do Governo Ratinho Jr. convoca atos contra a democracia

Cantor Sérgio Reis tem publicado vídeos nas redes sociais convocando manifestos em defesa de Bolsonaro e contra o STF.


O Governo do Paraná tem exibido em horário nobre, em vários canais da televisão brasileira, comerciais que trazem como garoto propaganda o cantor sertanejo Sérgio Reis. Nas peças publicitárias, o artista defende as ações da gestão de Ratinho Júnior (PSD), mas o personagem que deveria ser “exemplo” aos paranaenses, na vida real, promove atos políticos contra a democracia brasileira. A atitude têm causado constrangimento entre a população que, em sua grande maioria, não concorda com as opiniões do “garoto propaganda” e começa a desconfiar das motivações dele ter sido contratado para os referidos comerciais pagos com dinheiro público.


Para o Deputado Estadual Requião Filho, a escolha de Sérgio Reis para esta campanha publicitária não foi uma surpresa, uma vez que o artista demonstra o posicionamento político favorável ao bolsonarismo, tal qual o Governador Ratinho Júnior. No entanto, o parlamentar ficou curioso a respeito dos valores pagos para a produção dos comerciais.


“Sabemos que este tipo de peça publicitária é bastante onerosa e que o Estado passa por dificuldades para cumprir com o pagamento de todos os reajustes aos servidores públicos. Por isso, protocolamos esta semana um Pedido de Informações questionando o atual Governo sobre o que foi gasto com o artista que, em suas redes pessoais, tem promovido ameaças bolsonaristas à democracia brasileira”, declarou.

Sérgio Reis já foi deputado pelo PRB (Republicanos) e, atualmente, tem sido o líder das manifestação nas redes sociais contra os ministros do STF e o Congresso Nacional. Ao mesmo tempo, recebeu recursos públicos do Governo do Paraná para gravar materiais publicitários da campanha Área Livre de Febre Aftosa com Vacinação, que exalta rebanhos bovinos e a qualidade da carne paranaense perante o mundo, e é o atual garoto propaganda da Copel (Companhia Paranaense de Energia), empresa estatal do Governo do Paraná.


Requião Filho também quer saber no requerimento qual o critério de escolha do Sr. Sérgio Reis para atuar nestas campanhas e quais os valores recebidos pelo artista nos referidos contratos. A resposta deve ser encaminhada ao gabinete do deputado em até 30 dias.


CAMPANHA PUBLICITÁRIA - COPEL


CAMPANHA PARA DERRUBAR MINISTROS DO STF



511 visualizações