Buscar

Investigações que não acabam mais e o povo perde a fé na política brasileira. Está na hora de mudar


A crise institucional no Brasil a cada dia se agrava. E não é por menos! A população perde a fé e as esperanças na política. No Paraná, por exemplo, os cidadãos convivem diariamente com aumento de tarifas e impostos. É um Estado onde se judia dos funcionários públicos, onde se perseguem professores, médicos, policiais e onde fazem maquiagem nos números do orçamento.

Um Estado que mente em audiências públicas de prestação de contas, com resultados diferentes dos registrados no Painel da Transparência. Um Governo que trabalha na opacidade, no escuro, que está envolvido em inúmeros escândalos. Um Governo que se envolve com propina, como no caso da JBS, pegando dinheiro na porta do supermercado. Escândalos como o da lista da Odebrecht na Lava Jato.

As Escolas que foram pagas, mas nunca foram construídas, numa operação deflagrada pelo Gaeco na Operação Quadro Negro. Ou ainda na Operação Publicano, que foi mais além e desvendou um esquema de desvio de dinheiro na Receita Estadual Paranaense, para bancar campanhas eleitorais. Ah, e como não falar do mais recente esquema descoberto, que concedia licenças ambientais em Paranaguá.

Tudo isso enquanto a Assembleia Legislativa faz o que? Debate grandes projetos? Busca diminuir impostos? Debate os temas que afetam a vida política do Paraná? Não! De dez itens de uma pauta como as desta segunda-feira, seis deles não interferem em nada na vida prática dos cidadãos. Instituição de região turística, títulos de cidadãos honorários, de cidade fomentadora disto ou daquilo, utilidade pública e concessão de nome a uma ponte... Resultado: 60% da pauta não vai mudar em nada a vida do povo paranaense.

E o item mais polêmico, sobre a venda ou não de cerveja nos estádios de futebol do Paraná, eles retiram de pauta. É triste ver o legislativo se calar diante de tantos desmandos do governo estadual! É compreensível a falta de credibilidade que nós políticos temos diante da população. Assuntos sérios aqui na Assembleia não são debatidos. Assuntos que poderiam trazer uma luz na escuridão que vive o Paraná são desviados.

Enquanto isso, uma delação premiada de um advogado coloca mais uma vez a cúpula do atual governo em xeque. O Governador, quando estava lá trás na prefeitura, se envolveu numa licitação bem duvidosa que somente agora vem à tona e, segundo o delator, foi direcionada aos seus próprios interesses. E isto sim afetou em cheio a vida da população. Em especial, na capital paranaense, que hoje paga uma das tarifas mais caras do Brasil no seu transporte coletivo. Eu entendo a indignação de vocês, caros leitores, e consigo entender o porquê vocês perdem a fé na política brasileira!

Está na hora de repensar, de rever tudo isso e fazer do limão uma limonada. Vamos pôr essa gente envolvida em tantos escândalos pra correr da política.

#artigo

5 visualizações

Praça Nossa Senhora de Salette, s/nº
Gabinete 101 - 1º Andar - Centro Cívico

Curitiba - Paraná

CEP: 80530-911

Siga Requião Filho nas Redes Sociais

  • TikTok
  • Face do Requião Filho
  • Twitter do Requião Filho
  • YouTube do Requião Filho
  • Instagram do Requião Filho
  • Flickr do Requião Filho
  • SoundCloud  do Requião Filho