Buscar

Requião Filho cobra explicação sobre situação de colégios estaduais

Um deles, em Campo Largo, está para ser fechado, e outro em Curitiba sobrevive em situação precária.

Denúncias mostram colégio em estado precário na capital

Zelar pela Educação é um dever do Estado, bem como de tudo o que envolve o seu patrimônio. Não é o caso do Colégio Estadual Especial José Richa, em Curitiba, que, segundo denúncias recebidas pelo Deputado Requiao Filho, está em situações precárias, sem investimentos recentes e construções pendentes. Outro descaso acontece com o Colégio Estadual João Ferreira Kuster, no município de Campo Largo, que está para ser fechado devido a uma disputa pelo imóvel junto à prefeitura.


Para o deputado, que encaminhou ofícios à Secretaria de Educação cobrando explicações e soluções para os problemas, esta não é a atenção que a Educação do Paraná merece.

“Estamos requerendo que sejam adotadas as providências com a maior urgência possível, nesses dois casos, devida imensa insegurança à comunidade Escolar dessas instituições de ensino. Não podemos deixar nossos alunos e educadores desamparados, tampouco sem contar com um projeto definitivo para solucionar estes problemas”.


57 visualizações

Posts recentes

Ver tudo