Buscar

Justiça nega suspensão de prova a PSS no Paraná, mas pede explicações a Renato Feder

Este foi o segundo pedido encaminhado a Justiça pelo Deputado Requião Filho para tentar impedir a realização de prova presencial.|

A resposta chegou nesta segunda-feira. O documento assinado pelo Desembargador Nilson Mizuta negou o pedido de Habeas Corpus contra a realização da prova presencial no próximo dia 13 de dezembro, para seleção de professores temporários no Paraná.


Porém, o magistrado intimou o Secretário de Estado da Educação, Renato Feder, a prestar esclarecimentos sobre o porquê das mudanças e da complexidade da modalidade deste processo seletivo que deveria ser simplificado, como o próprio nome já diz.


O Secretário terá que explicar ainda se tal medida foi previamente “coordenada com as autoridades sanitárias, considerando os fatores envolvidos e de saúde pública, com o intuito de proteger os candidatos do concurso contra a Covid-19”.


suspensao hc pss
.pdf
Download PDF • 43KB

Autor do pedido, o Deputado Requião Filho fez uma live nesta manhã em suas redes sociais ordenando os professores a cobrar diretamente do Governador Ratinho Jr. uma solução definitiva para o problema.



CLIQUE NA IMAGEM PARA ASSISTIR:


3,019 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Praça Nossa Senhora de Salette, s/nº
Gabinete 101 - 1º Andar - Centro Cívico

Curitiba - Paraná

CEP: 80530-911

Siga Requião Filho nas Redes Sociais

  • TikTok
  • Face do Requião Filho
  • Twitter do Requião Filho
  • YouTube do Requião Filho
  • Instagram do Requião Filho
  • Flickr do Requião Filho
  • SoundCloud  do Requião Filho