Buscar

Isenção de impostos no Paraná só em época eleitoral. Estranho, não?

Por: Requião Filho

O Governo do Estado do Paraná anunciou nesta semana que irá isentar do ICMS – Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços, empresas que doarem máscaras, álcool em gel e “faceshields” para as eleições do Paraná.


A medida não é ruim, mas é no mínimo estranha.


Desde o início da pandemia, tenho enviado requerimentos ao Governador Ratinho Jr. pedindo isenção de impostos para pequenos empresários, para motoristas de aplicativos e vans, para associações sem fins lucrativos e outras categorias. Até agora, nenhuma resposta.


Digo que a medida é estranha porque sempre que nós, parlamentares, fazemos alguma indicação de isenção, que possa garantir empregos ou ajudar os paranaenses a sobreviverem, falta dinheiro no Estado do Paraná.


Agora, em época eleitoral, junto com a pressão para vários pré-candidatos a Prefeito desistirem de concorrer em Curitiba, e no resto do Estado, milagrosamente, sobra dinheiro para a renúncia fiscal.


Repito: a medida não é ruim, irá possibilitar que os mesários e eleitores tenham mais segurança na hora de exercer seu direito ao voto.


Mas, por outro lado, se sobra dinheiro para isentar algumas empresas em época eleitoral, por que não sobra para ajudar as micro e pequenas empresas, que geram 70% dos empregos no Paraná? Por que não abrir mão de tributos para ajudar os produtores rurais, que fornecem comida para nossa mesa? Por que nunca sobra dinheiro para diminuir a tarifa da luz e da água?


Respostas não temos, mas de uma coisa sabemos: o caminho do inferno continua sendo pavimentado com boas intenções e, também, de fidelidade canina à algumas práticas eleitoreiras.

142 visualizações

Praça Nossa Senhora de Salette, s/nº
Gabinete 101 - 1º Andar - Centro Cívico

Curitiba - Paraná

CEP: 80530-911

Siga Requião Filho nas Redes Sociais

  • Face do Requião Filho
  • Twitter do Requião Filho
  • YouTube do Requião Filho
  • Instagram do Requião Filho
  • Flickr do Requião Filho
  • SoundCloud  do Requião Filho