top of page
Buscar

“Ferrar o povo e beneficiar os acionistas”, diz Requião Filho sobre aumento da água pela Sanepar

Reajuste de tarifas passa a valer a partir de 17 de maio.

Foto: Orlando Kissner / ALEP

Líder da oposição na Assembleia Legislativa (Alep), o deputado Requião Filho (PT) criticou o aumento anunciado para as tarifas da Sanepar. Segundo o deputado, o reajuste vai impactar na redução do poder de compra das famílias e reflete a mentalidade do governo Ratinho Jr. em relação às estatais: “ferrar o povo e beneficiar os acionistas”.


O aumento da tarifa de água será de 8,23% e passa a valer a partir de 17 de maio. Requião Filho lembrou que, em 2022, o lucro da Sanepar foi superior a R$ 1 bilhão, e mesmo assim a empresa optou por um novo reajuste na conta de água.


“A Sanepar aumentou em mais de 8% a conta de água dos paranaenses. Estava sofrendo a Sanepar! O lucro no ano passado foi de apenas R$ 1 bilhão, precisava muito aumentar a água para distribuir dividendos. Não se fala em aumento de investimentos, não se fala em melhoria de serviços, não se fala em atender o problema de água de Londrina, de Ponta Grossa, de Curitiba. Se fala apenas em aumentar tarifa e bancar acionistas que nem moram no Paraná”, apontou.

Segundo Requião Filho, dentre os impactos do reajuste está o aumento da inflação no Estado e a ampliação do custo das indústrias e do agronegócio.


Assista na íntegra:


75 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page