Buscar

Encerramento de convênio de proteção à criança e adolescentes é questionado por deputado


Em seu discurso nesta terça-feira, na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Requião Filho questionou o encerramento antecipado de um Programa Federal com o Paraná, instituído em 2010, para proteção à crianças e adolescentes ameaçadas por morte.

O contrato do Decreto 6231/2007, que venceria no último dia 30 de maio de 2017, foi encerrado com um dia de antecedência, ao invés de ser renovado com o Estado.

O PPCAAM - Programa de Proteção a Crianças e Adolescentes Ameaçados de Morte, que atendia a centenas de pessoas no Paraná, segundo informações da Secretaria Nacional da Criança e Adolescente, não foi prorrogado por motivos políticos, denunciou Requião Filho.

"A Ministra tucana Luislinda Valois, ligada a Aecio Neves, encerrou o convênio e agora caberá ao Estado criar um modo emergencial resolver o problema. Entidades envolvidas devem levar o problema ao MPF, pelo Conselho Nacional de Direitos Humanos. Estou ao lado da população e vamos buscar que este programa seja renovado", decretou.

Assista ao vídeo completo do discurso na imagem acima.

#PPCAAM

8 visualizações